Petrobras escolhe a W3haus, agência interativa pelo menor preço


É, eu achava que esse tipo de coisa não acontecia fora do interior. A diferença, é que os valores são bem diferentes, em comparação do mercado maduro (capital) com o mercado do interior.

A Petrobras contratou agência digital pelo menor preço para a manutenção, criação e produção de sites. Não houve apresentação de estratégias de comunicação ou de peças interativas, somente os envelopes com as propostas de preço.

Oito agências participaram. Com exceção da Hello, as outras sete apresentaram propostas que variaram de R$ 3,2 milhões a R$ 1,1 milhão. Mas quem ganhou, foi a W3haus, por R$1,1 milhão. As demais concorrentes, pela ordem do menor para o maior preço foram: Sirius, Tribo, Lov, F.biz, Plan B e Sinc. Outras duas digitais têm contratos vigentes com a Petrobras: AgênciaClick e TV1.

Segundo os especialistas, o maior problema deste tipo de procedimento é que na ânsia de vencer a disputa, muitas agências oferecem preços que não cobrem as exigências do edital. A proposta vencedora considera valores de homem/hora bem inferiores aos praticados pela média do mercado, como R$ 33 para diretores de criação, R$ 15 redatores e R$ 17,80 para programadores.

No caso da Petrobras, o contrato de um ano, prorrogável por mais um, envolve a mensuração de resultados dos projetos, manutenção de profissional de atendimento locado no Rio de Janeiro e equipes dedicadas aos oito sites atuais da estatal (global, Brasil, Bolívia, Japão, Colômbia, Estados Unidos, relacionamento com investidores e Spacio 1, este último em desenvolvimento), incluindo tradutores para línguas inglesa e espanhola.

Fonte: meio&mensagem

Tema Portal WordPress - PortalPress


Leave a Reply

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>