Yahoo! Respostas: ferramenta de troca de informação ou desejo de ser nº 1 no conceito Busca Social?


Yahoo! Respostas

Lendo este artigo no Sinestesia, tive a idéia de escrever um post, sobre esta ferramenta de troca de informação, baseada no conceito de Busca Social, como sendo mais um projeto Web 2.0 da Yahoo.

Baseada no conceito de Busca Social, o Yahoo! Resposta permite a troca de informações sobre qualquer tema, e tem como objetivo, servir de ferramenta para que as pessoas consigam obter respostas de outros usuários, principalmente as perguntas cujas respostas não seriam facilmente encontradas através de uma ferramenta de busca convencional – entenda Google. Seria mesmo uma preocupação social do Yahoo, ou uma jogada de marketing para se tornar (com o tempo) um Yahoo Wikipedia, consequentemente um top-of-mind nesta categoria, como o YouTube é para vídeos?

Yahoo! Busca Educação. Será que Yahoo! Respostas também pode servir de ferramenta para os professores na sala de aula, podendo usá-lo como fonte de informação para suas aulas, ou até como ferramenta de interatividade com os alunos, fazendo perguntas para que eles mesmos respondam e utilizem o conteúdo como assunto de discussão na sala de aula? Exagero, otimismo, fantasia? Ou no popular, vacilo? Não, é espertice, mesmo… talvez fracasse com os professores, mas tenham sucesso no desejo de ser nº 1 no conceito Busca Social.

Eu acredito que está é uma grande jogada do Yahoo, desenvolvendo esse projeto Web 2.0. Já pensou, você deixar de pesquisar no Google porque no Yahoo! Resposta encontra a solução, ajuda de modo mais eficáz? Tem que aplaudir. E também para o design que está bem legal, e que considero uma evalução do Yahoo.

Gostaria de saber a opinião de vocês.

[tags]yahoo respostas, usabilidade[/tags]

Tema Portal WordPress - PortalPress


13 Responses to “Yahoo! Respostas: ferramenta de troca de informação ou desejo de ser nº 1 no conceito Busca Social?”

  1. Felipe Ranieri

    Bom, jogada ou não, acho que o mercado é feito de competitividade e é válida a idéia do Yahoo! Respostas. Alguns mais espertinhos, podem até achar que é mais fácil por parecer “informação mastigada” mas de boa, se não souber usar a ferramenta corretamente, vai penar também. Acho até que uma procura mais segura, pode ser feita aliando Google e Yahoo! Repostas. Um ponto que eu acho que pode ser prejudicial, inclusive foi citado no Sinestesia, é que muita gente pode responder “não sei” ou qualquer outra bobagem, por conta do esquema de pontos, agora, uma coisa é certa, quanto mais serviços provendo informação, melhor.
    Abraços!!! Curti o post!

    Falows! 😀

    Reply
  2. Roberto Machado

    A idéia é legal, mas faltam uns arremates. Particularmente, acho que os grandes não deveriam lançar nada sem antes pensar muito bem nos fluxos de dados para não incorrer em bugs óbvios, como esse do usuário poder burlar o sistema de pontuação. Isso passa uma sensação de ferramenta mais ou menos. Será que o Google cometeria o mesmo erro? Eu nunca vi, e por isso tenho a “sensação” de que suas ferramentas são ultra confiáveis. Os caras tem grana para as pesquisas, então tinham que fazer certo de cara. 🙂 Um abraço.

    Reply
  3. Thalis Valle

    Pois é!

    Está mesmo acontecendo esse probleminha das respostas “ignorantes” por pontuação. Mas acredito que eles irão pensar numa maneira para burlar isso. E, com certeza, se o Yahoo quer brigar com o Google, tem que levar muito a sério esse projeto.

    Reply
  4. antonio

    tambem acho que eles estão pensando muito bem. mas ainda naõ acredito na possibilidade de isso acontecer tão rápido. pra brigar com o google tem que ter “peito forte”…

    Reply
  5. Patricia Müller

    Estava dando uma olhada lá no site e vi que agora eles incluíram uma opção para “denunciar” uma resposta. Na verdade, eu acho que isso até já existia, mas não era muito visível. Ou seja, os participantes podem denunciar uma resposta vazia ou que não acrescenta informação nenhuma – ou que, por qualquer outra razão, é inadequada ou não deveria estar ali. A questão é: as pessoas denunciam? O que acontece com o usuário e com a resposta que ele postou? Quem denuncia aparece para a pessoa que foi denunciada? Não sei. Não experimentei ainda. Não é uma solução absoluta, mas num site com caráter comunitário, em geral a própria comunidade se auto-regula. Então, acho que eles estão aparando as arestas aos pouquinhos. 🙂

    Reply
  6. thalisvalle

    É, patricia. Se esta opção já existia, bastou uma outra análise, para verificarem a urgência de uma pequena mudança na arquitetura de informação, deles. Tem que estar bem visível ao usuário.

    É fato que, conforme vão modificando aqui e alí, outros problemas aparecem. Por isso, devem sempre tratar o sistema com carinho, para achar meios de reverter pontos negativos, causados por usuários.

    O que deveria ter, então?
    Acredito que, em alguns pontos, em vez de criar soluções diretamente com o sistema, o Yahoo! Respostas pode educar seus usuários.

    Reply
  7. Sérgio F. Lima

    Há idéia é sem dúvida ótima, pois parte do pressuposto que haverá auto-regulamentação (com o esquema das pontuações e “denuncias” de respostas).

    Entretanto vai demorar a ser utilizada por professores, ao menos aqui no Brasil, …porque, ainda é necessário fazer inclusão digital para a grande maioria dos professores…

    Mas acho que o Yahoo, já percebeu isto…(?)

    []’s

    Reply
  8. Romullo Pontes

    Bom post seu Thalis! Não esperava ver nenhum post falando sobre o Y! Resposta, mas estou vendo que a iniciativa do Y! está dando certo.

    Eu não iria buscar informação correta no Y! Resposta, até por que existe o Wikipedia e está me satisfazendo no que eu preciso. Mas confesso que já utilizei para testar. Perguntei e respondi perguntas e notei que há tanto perguntas quanto respostas um tanto quanto idiótas.

    Para utilizar esta ferramente na educação escolar no Brasil também acho difícil. Nem mesmo em regiões onde o uso da internet é amplo e diário. Para isso acontecer, muita coisa tem de mudar. Mas acho que foi uma boa tentativa do Yahoo de chegar de mansinho, como quem não quer nada e conseguir agarrar um nixo de mercado importante.

    Ah! Sobre seus dois comentários lá no blog. Primeiro, relax. O “Tapa na Pantera” é pura ficção. Segundo, eu acho que ela é uma bela guerreira mesmo. É a vida…

    Abraço Thalis!

    Reply
  9. Mariana

    O duro é que, da mesma maneira da Wiki, as respostas não são confiáveis. No caso do Y! talvez menos ainda…
    Mas a idéia é válida, sim, e já está se tornando um canal de mídia… Quem tem acompanhado, já deve ter percebido que o Pânico usa para interagir com o público.
    Só é preciso cautela com o uso, de resto, sem problemas.

    Reply
  10. thalisvalle

    Como eu comentei no artigo, que eu acredito, uma boa idéia, é! Mas nem toda boa idéia, por mais que excelente que seja (pensando a longo prazo) fará com que o sistema seja um sucesso, tão rápido. Ainda é cedo, pra fazer qualquer coisa. E principalmente, o Yahoo não deixaria esta ferramente de lado…

    Ela é forte. Apenas devem criar uma campanha de educação aos usuários.

    Reply
  11. Patricia Müller

    Eu concordo que a credibilidade das respostas seja altamente questionável, mas ao mesmo tempo penso que quem busca informação na internet está sujeito a se deparar com este problema em qualquer website. Informação com credibilidade, só mesmo de fontes oficiais, especialistas, etc. A própria Wikipedia é questionável, embora eu deva reconhecer que a credibilidade das informações lá contidas seja evidentemente mais alta. Mas há informações erradas na Wikipedia também. Igualmente, há pessoas gabaritadas respondendo no Yahoo Respostas. Na verdade, não dá muito pra comparar, são coisas bem diferentes, estou apenas traçando o paralelo para ilustrar que o problema da credibilidade pode existir nos dois – e em qualquer outro website.

    Mas aí eu vou concordar com o Thalis que é preciso educar os usuários. Me parece um tanto quanto utópico, como falei no meu post sobre este assunto lá no meu blog, mas idealmente, este seria o caso. O Romullo tem razão, existem perguntas e respostas bem idiotas e isso acaba poluindo o serviço. Mas por outro lado, também penso que um pouco disso se deva ao fato de as pessoas ainda estarem testando o serviço, estão experimentando. De repente não sabem bem o que perguntar, mas querem fazer uma pergunta pra ver como funciona. E também querem responder, pelo mesmo motivo.

    Acho que se o serviço for divulgado corretamente e começar a atrair uma diversidade maior de pessoas (porque, ao que pude perceber, tem mais gente nova participando), a qualidade das discussões tende a aumentar. Da mesma forma, como disse a Mariana, trazer gente da mídia para participar também otimiza o serviço. No Yahoo Respostas americano, tem uma pergunta do Bono do U2 – sim, ele próprio, não um perfil falso, avalizado pelo próprio Yahoo – com milhares de respostas.

    Eu acho que é limitado enxergar o Yahoo Respostas simplesmente como um site de perguntas e respostas. Eu vejo como uma ferramenta cheia de possibilidades. É tudo uma questão de criatividade e, esperamos, maturidade da audiência. Vamos ver no que vai dar.

    Reply

Leave a Reply

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>